Escute ao Vivo Home Twitter da 101 Facebook YouTube Google+

Notícias
Mascote oficial da Copa do Mundo de 2014, tatu-bola já tem nome: Fuleco
Data: 26/11/2012

Fuleco supera Amijubi e Zuzeco em eleição com a torcida pela internet

Por GLOBOESPORTE.COMRio de Janeiro

Revelado em setembro como mascote oficial da Copa do Mundo de 2014, o tatu-bola foi batizado neste domingo: Fuleco. O anúncio foi feito durante o "Fantástico". O nome recebeu 48% dos mais de 1,7 milhão de votos na eleição feita pela internet. Zuzeco (31%) e Amijubi (21%) eram as outras opções.

Segundo a Fifa, Fuleco significa a mistura das palavras futebol e ecologia, "dois componentes fundamentais da Copa". A entidade explicou ainda que o nome "mostra como essas duas palavras combinam perfeitamente e ainda incentivam as pessoas a ter mais cuidado com o meio ambiente".

Pela primeira vez, a Fifa decidiu batizar o mascote e a bola oficial do Mundial com a ajuda da torcida. No início de setembro, Brazuca recebeu 77,8% de 1.119.539 votos e superou Bossa Nova (14,6%) e Carnavalesca (7,6%) como substituta da Jabulani em 2014.

 Tatu-bola, mascote oficial da Copa de 2014 Brasília  (Foto: Glauber Queiroz / Portal da Copa)Vários mascotes foram colocados nas cidades-sedes para promover a votação  (Foto: Glauber Queiroz)

Fuleco é fã de Ronaldo e Pelé

Mascote Copa do Mundo 2014 evento (Foto: EFE)Segundo a Fifa, Fuleco nasceu em 2000 e é fã
de Ronaldo e Pelé (Foto: EFE)

Em seu site oficial, a Fifa criou uma página com a biografia de Fuleco. O texto conta que o  tatu-bola nasceu no dia 1º de janeiro de 2000, no Nordeste, e terá 14 anos quando a Copa for disputada no Brasil. A carapaça serve para protegê-lo e tem a cor azul para representar o céu e a água do país.

Além disso, Fuleco gosta de jogar futebol e comemora seus gols com a "Dança do Tatu". De acordo com a Fifa, os ídolos do mascote são Pelé e Ronaldo Fenômeno.

Ideia do tatu-bola nasceu no Ceará

A ideia de ter o tatu-bola ("Tolypeutes tricinctus") como símbolo da Copa no Brasil surgiu no Ceará e foi apresentada apenas em fevereiro ao Ministério do Esporte e ao (COL)pela ONG Associação Caatinga, criadora do projeto.

No texto da campanha, a Associação Caatinga explica que o "Tolypeutes tricinctus" é o tipo de tatu mais ameaçado do Brasil e que a caça já o fez desaparecer de muitos estados. Para defender a escolha da mascote, a ONG lembrou que o nome original do tatu-bola foi dado devido à habilidade de curvar-se sobre si mesmo para se proteger quando ameaçado, ficando no formato de uma bola.

Desde a Copa de 1966, a Fifa passou a usar mascotes em Copas do Mundo. No Mundial da África do Sul, o animal escolhido para representar o país foi um leopardo de cabelo verde, batizado de Zakumi.

Mascotes Copa do Mundo  (Foto: Editoria de Arte / Globoesporte.com)
     
Fonte: http://globoesporte.globo.com
Categoria: Copa de 2014
 
 PodCast
Nenhum podcast relacionado.
 
 Vídeo
Nenhum vídeo relacionado.
 
Programas


Destaques


Escute ao Vivo
Escute Pela Internet Escute pelo iPhone Escute pelo Android


Previsão do Tempo
 
Últimas Notícias
19/08/2014 - Vinte suspeitos de adulterar leite são presos em operações em SC e RS
19/08/2014 - PF faz ação contra pornografia infantil na internet em 14 estados e no DF
19/08/2014 - Dunga convoca dupla do Cruzeiro e mantém 10 jogadores da Copa-2014
17/08/2014 - Corpo de Eduardo Campos é sepultado no Recife
17/08/2014 - À moda Felipão, Grêmio "morde" e bate Tigre na estreia do técnico na Arena
17/08/2014 - Bruna Marquezine vai à praia em Los Angeles acompanhada
 
Últimos PodCast's
 
 11/08/2014 - Jornal do Meio-Dia
 08/08/2014 - Opinião
  - Opinião
 01/08/2014 - Opinião
 30/07/2014 - Tribuna Livre
 29/07/2014 - Jornal do Meio-Dia
 23/07/2014 - Tribuna Livre
 18/07/2014 - Opinião
 
 

Escute Pela Internet Escute pelo iPhone Escute pelo Android