Facebook: novas regras podem impedir que bandas realizem lives ou compartilhem vídeos musicais

Data: 14/09/2020

Novas regras do Facebook, que passarão a valer a partir de 1º de outubro, podem impedir que bandas e artistas realizassem shows ao vivo ou compartilhem registros de apresentações na plataforma.

As “Mudanças nas Diretrizes de Música do Facebook”, publicadas pela rede social, afirmam que os usuários não podem mais usar vídeos para “criar uma experiência de escuta musical” na rede.

De acordo com os termos e condições legais do Facebook, os artistas que não seguirem a norma poderão ter vídeos bloqueados ou suas páginas removidas totalmente da plataforma.

“Você não pode usar vídeos em nossos produtos para criar uma experiência de escuta musical… Queremos que você possa desfrutar de vídeos postados por familiares e amigos”, diz o texto das novas diretrizes, que deixam claro: “O uso de música para fins comerciais ou não pessoais, em particular, é proibido, a menos que você tenha obtido licenças apropriadas”.

Loudwire.Com critica a explicação da rede. “A linguagem é bastante ambígua quanto ao que constitui uma ‘experiência de escuta musical’ em relação aos vídeos, provavelmente engloba uma grande faixa de posts de entretenimento”, diz o site.

Quem também publicou nota alertando sobre as novas regras foi a NME. “Muitos artistas têm usado a Live do Facebook para realizar shows ao vivo nos últimos meses, enquanto shows físicos não podem de acontecer devido à pandemia do novo coronavírus”, comentou o texto da publicação britânica, que procurou representantes do Facebook para comentar a mudança e não recebeu resposta.


Voltar

Programas